mestrado-arquitetura-urbanismo-site-1

Clique aqui para a brochura versão impressa

Clique aqui para o plano de estudo de 2013 no Diario da República

HORÁRIO LETIVO DIURNO

DURAÇÃO OFICIAL (1º + 2ºCICLO)
Anos 5
Semestres 10
Semanas de estudo p/ano 34
Créditos ECTS 300

MESTRADO INTEGRADO EM ARQUITETURA ESPECIALIZAÇÃO EM URBANISMOmestrado int urbanismo 1

A especialização na área de Urbanismo completa a formação em Arquitetura numa vertente dirigida à abordagem, numa forma integrada e a diversas escalas, de problemas territoriais complexos, tendo por objeto o espaço urbano e o território, nas suas diversas componentes e enquadramentos: partes de cidade, cidades e aglomerados urbanos, áreas metropolitanas, paisagens e territórios de âmbito regional. A formação oferecida visa capacitar o mestrando para a análise desse objeto, para a identificação de problemas, para a elaboração de soluções físico-funcionais e espaciais, balizadas pela viabilidade tanto socioeconómica como de implementação, face aos instrumentos legais do Urbanismo em vigor em Portugal. Constituem temas relevantes de reflexão e aprendizagem questões atuais relacionadas com o espaço coletivo, a reabilitação urbana e a estruturação de tecidos diversificados, bem como o reflexo de novas tecnologias na conceção e organização da vida urbana.

A formação de Arquitetura, já adquirida no 1º ciclo, e a sua continuidade na especialização em Urbanismo, concorrem para a capacitação de um profissional que traz para o seio da atividade do urbanista a especificidade do arquiteto, ou seja, a sua desenvolvida capacidade de plasmar o espaço através do desenho e da composição como instrumentos de síntese, para além de contribuir com a sua dimensão cultural e de cidadania atenta aos desafios da vida na Cidade.

Para este profissional abrem-se as portas do exercício da atividade nos órgãos autárquicos e centrais de ordenamento, de planeamento e gestão urbanística, nos escritórios privados de arquitetura e urbanismo, nas empresas de promoção imobiliária, tanto nacionais como estrangeiras.

A ESCOLA


mestrado int urbanismo 2A Faculdade de Arquitectura (FA) oferece cursos conducentes a grau ao nível da Licenciatura, Mestrado e Doutoramento nas áreas da Arquitetura, Urbanismo e Design. Oferece ainda cursos não conducentes a grau que facultam uma formação complementar a profissionais que pretendem adquirir conhecimentos mais aprofundados. Esta ampla oferta de formação faz da FA a maior e mais diversificada escola do país nas suas áreas, com cerca de 3 mil alunos. É também a escola com maior número de alunos estrangeiros provenientes da Europa, mas também de países de outros continentes com os quais a FA possui acordos de intercâmbio. É ainda a escola mais antiga, com raízes que remontam ao século XVI. A sua principal caraterística é a formação através do Projeto no 1º e no 2º ciclo, onde os conhecimentos adquiridos em todas as disciplinas são aplicados na conceção de objetos que podem ir desde a escala da mão à escala do território. Apesar deste enquadramento, é objetivo da FA formar um leque mais alargado de profissionais, como consultores, investigadores e quadros públicos, em áreas ligadas ao ambiente construído, à cultura e à indústria. Será certamente pela articulação destes objetivos que mais de 95% dos seus graduados obtêm colocação um ano após terminarem o curso. Atualmente, a FA está apostada em formar profissionais capazes de trabalhar com a sociedade portuguesa, contribuindo para aumentar o seu potencial de inovação, competitividade e exportação. Por este motivo, favorece-se o desenvolvimento de projetos finais e de dissertações científicas em colaboração com entidades públicas e privadas, fomentando o empreendedorismo e criando oportunidades futuras para os alunos. A formação no 3º ciclo é dirigida à investigação avançada nas três áreas disciplinares da FA, sendo enquadrada pelo CIAUD, o centro de investigação classificado de Excelente pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia. Neste quadro, foi recentemente criado um centro de prestação de serviços, um gabinete de transferência de tecnologia e uma incubadora de empresas. Como escola moderna, que tenta combinar tradição e inovação, a FA é uma instituição de referência na formação profissional de arquitetos, urbanistas e designers, assim como na produção de investigação especializada e interdisciplinar socialmente reconhecida.

 DESTINATÁRIOS

O Mestrado Integrado em Arquitetura, com especialização em Urbanismo, destina-se a candidatos interessados em obter competências disciplinares e profissionais no âmbito da arquitetura, com um enfoque particular sobre a compreensão, projeto e gestão do território e do espaço urbano. Procura-se valorizar e incutir uma atitude de questionamento, crítica e abertura na exploração de soluções arquitetónicas e urbanísticas inovadoras, atenta às dimensões cultural e social da disciplina, e munida de instrumentos e capacidades que dêem resposta aos desafios da sociedade atual.

OBTENÇÃO DO GRAU DE MESTRE

Após aprovação no Projeto Final de Mestrado, os mestres em arquitetura, adquirem um estatuto profissional de arquitetos, estando capacitados para o exercício de profissão liberal, administração central, regional e local, indústria e comércio, de construção e investigação científica.

SAÍDAS PROFISSIONAIS

A formação neste ciclo de estudos capacita para o exercício de profissão quer como profissional liberal, quer no âmbito da administração central, regional e local, da indústria da construção e da investigação científica. Os mestres em Arquitetura, com especialização em Urbanismo, adquirem um estatuto profissional de Arquitetos e têm acesso à Ordem dos Arquitetos. Estes profissionais estão aptos a pensar a cidade e os edifícios e a promover através do projeto a melhor relação entre todas as áreas de conhecimento envolvidas no projetar das escalas do edifício e da cidade. mestrado int urbanismo 3

CORPO DOCENTE

O corpo docente do Mestrado Integrado em Arquitetura, com especialização em Urbanismo, é caracterizado por uma grande diversidade e abertura, num espectro que vai das artes às ciências, e que permite a constituição de equipas transdisciplinares com impacto nas áreas da docência e da Investigação.
A maior parte da equipa docente é doutorada e em regime de tempo integral, abrangendo os diversos domínios da especialidade do Mestrado, contando ainda com uma experiência alargada e forte relação com o mundo profissional e da administração pública.

Os nomes e contactos dos docentes do curso podem ser consultados em :
www.fa.ulisboa.pt FA > Trabalho > Orgãos > Informações > Docentes

CANDIDATURAS

Condições de acesso

1 • Alunos que vão concorrer ao Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior
Código Curso: 0802/G004
Consultar o site da DGES para conhecer os procedimentos e nº de vagas:
www.dges.mctes.pt

mestrado int urbanismo 4
Provas de acesso:
Um dos seguintes conjuntos:
03 Desenho + 10 Geometria Descritiva
ou
10 Geometria Descritiva + 16 Matemática
ou
10 Geometria Descritiva + 12 História da Cultura e das Artes

2 • Alunos a frequentar o Ensino Superior em Portugal ou no Estrangeiro
Consultar site da FA — ver concurso de reingressos, transferências, mudança de curso.
www.fa.ulisboa.pt

2 • Alunos com Licenciatura Nacional ou Estrangeira
Consultar site da FA — ver concursos de 2º ciclo, Concursos Especiais (titulares de curso médio ou superior)
www.fa.ulisboa.pt

3 • Maiores de 23
Consultar site da FA — ver candidaturas maiores de 23.
www.fa.ulisboa.pt

CANDIDATURAS E INSCRIÇÕES

Os prazos e a forma de inscrição deverão ser consultados no site da FA logo após publicação pela DGAES das listas de resultados das candidaturas.

www.fa.ulisboa.pt

PROPINAS

O valor das propinas de Licenciatura, Mestrado e Doutoramento é atualizado anualmente devendo o valor e forma de pagamento ser consultado no site da FA.
mestrado int urbanismo 5

www.fa.ulisboa.pt

PLANO DO CURSO

Os objetivos do ciclo de estudos integrados conducente à obtenção do Grau de Mestre em Arquitetura, com especialização em Urbanismo pela FA compreendem a aquisição, por parte do aluno, de um conjunto de competências sobretudo de natureza projetual, cuja construção e fundamentação, ao longo do processo de ensino e aprendizagem, reconheça, interrogue, pondere e experimente ideias, factos e conhecimentos de natureza complexa e integradora, nos quais se manifestam as criações humanas onde estão patentes as suas formas de expressão e pensamento científico, humanístico e artístico, ligadas ao território.

Conferindo um enfoque especializado no 2º ciclo sobre as matérias do urbanismo e da gestão urbanística, o ensino tem por base o exercício do Projeto, que compreende uma transversalidade de escalas de trabalho que vão do território ao edifício, no âmbito do qual se procede à integração das outras matérias lecionadas, relativas às diferentes áreas do saber. Ao longo do processo de aprendizagem são estimuladas as capacidades de pesquisa e fundamentação, numa atitude permanente de observação, interrogação, ponderação e experimentação prática.

PROTOCOLOS DE MOBILIDADE

• 99 Acordos no âmbito do Programa Erasmus
• 22 Acordos com Universidades da América Latina
• 1 Acordo com uma Universidade do Canadá
• 2 Acordos com Universidades em Israel
• Participação da Faculdade de Arquitectura numa rede de intercâmbio Europa-Japão
• Participação da Faculdade de Arquitectura numa rede de intercâmbio com a Europa de Leste

Através de vários programas de mobilidade, a FA faculta aos seus alunos a possibilidade de estudarem um ou dois semestres no estrangeiro. Estes estudos podem ser feitos na Europa ao abrigo do programa Erasmus ou em outros destinos como o Brasil, a Argentina, a Colômbia ou o Canadá, por exemplo, através dos protocolos elaborados diretamente com variadas Universidades internacionais.

A Faculdade de Arquitectura, através dos serviços centrais da Universidade, faz parte do protocolo com o banco Santander Totta que concede bolsas de apoio às mobilidades realizadas na América Latina, designadamente através dos programas Santander Totta de Bolsas Luso-Brasileiras e de Bolsas Ibero-Americanas. Para além disso, participa na rede de intercâmbio Europa-Japão, através do programa AUSMIP.
mestrado int urbanismo 8

A FA é ainda parceira em 2 programas Erasmus Mundus: EURMED — Master Estudos Urbanos em Regiões Mediterrânicas e TEMPO (Trans-European Mobility Project on Education for Sustainable Development). Os alunos podem ainda recorrer aos programas Erasmus Placement e IAESTE para a realização de estágios profissionais em empresas e centros de investigação.

RECURSOS MATERIAIS

A FA disponibiliza aos seus alunos um conjunto amplo de espaços de suporte à vida académica nas suas diversas etapas e que incluem: a Biblioteca, o Centro Multimédia, Reprografia, o Atelier 24 Horas (espaço para os alunos desenvolverem os seus trabalhos), o Centro Editorial, o Centro de Cartografia, o Centro de Informática, o Atelier de Moda, as Oficinas, o Centro de Prototipagem Rápida, o Laboratório da Cor, o Laboratório de Fotografia e Imagem de Síntese,o Laboratório de Digitalização 3D, o Gabinete da Propriedade Intelectual e Transferência de Conhecimento e a Incubadora da FA.

PRÉMIOS

Melhor Média Geral de Curso:
Prémio Professor José Lamas (300€)

Melhor Dissertação (melhor classificação)
Prémio Professor José Lamas (300€)

Critérios de desempate:
1º Melhor média geral de curso,
2º Aluno mais jovem.

Projetos

The Wall is the Path
Pedro Paredes, Projeto Final de Mestrado, 2012

mestrado int urbanismo proj 2mestrado int urbanismo proj 1

O projeto consiste numa proposta urbanística e arquitetónica na área de Marvila, na cidade de Lisboa, através da qual se procura dar resposta a questões relacionadas com a qualificação do espaço público e a introdução de novos usos, nomeadamente inscritos na ideia de ‘cidade criativa’, que possam vir a potenciar esta área no futuro, considerando os projetos de grandes infra-estruturas previstos. 

2100: Projetar a Frente Ribeirinha em Cenários de Alterações Climáticas
Deolinda Farinha, Projeto Final de Mestrado, 2011

mestrado int urbanismo proj 3

O projeto desenvolve-se em torno da temática da resposta urbana e territorial à antecipação de cenários de alterações climáticas em frentes ribeirinhas do Estuário do Tejo. A área do projeto incide numa zona de aterros da cidade de Lisboa, organizando espaços alternativos de relação com o Rio, face à previsível subida dos níveis médios da água, numa projeção a 100 anos.

2100: Projetar a Frente Ribeirinha em Cenários de Alterações Climáticas
António Amado, Projeto Final de Mestrado, 2012

mestrado int urbanismo proj 4

O projeto desenvolve-se em torno da temática da resposta urbana e territorial à antecipação de cenários de alterações climáticas em frentes ribeirinhas do Estuário do Tejo. A área do projeto incide na foz do Esteiro de Coina, na relação com a cidade do Barreiro, organizando espaços alternativos de relação com o Rio, face à previsível subida dos níveis médios da água, numa projeção a 100 anos.

2ª Circular: entre Limite e Interface / Infra-estruturas como Agregador Urbano
Miguel Chuva Gomes, Projeto Final de Mestrado, 2012

mestrado int urbanismo proj 5

O projeto desenvolve uma proposta urbanística para o eixo organizado pela Segunda Circular, na coroa norte da cidade de Lisboa, visando questões relacionadas com a qualificação do espaço público, com a sutura entre tecidos urbanos descontínuos e a introdução de novos usos, sobretudo os associados a uma ideia de “boulevard urbano”.

Testemunhos

"O Mestrado Integrado realizado na FA ao longo de 5 anos (2005-2010), apresenta-se hoje, de uma forma mais efetiva, como um importante veículo de desenvolvimento de competências não apenas de natureza projetual, conceptual e operativa como também de investigação, abrindo espaço para pensar, teorizar e criar. Esta qualidade está patente no corpo de investigação criado pela instituição, da qual faço agora parte integrante, enquanto bolseiro de investigação e doutorando. A Faculdade reúne portanto, um conjunto de condições que favorecem este tipo de desenvolvimentos, desde logo no que respeita à relação de proximidade que se estabelece com o corpo docente ao longo do percurso académico, o que facilita em muito a transmissão de conhecimentos. Acresce, nesta fase, o papel que assumem de orientadores deste percurso. A instituição permite assim, a construção de um percurso académico sustentado, bem apoiado e em permanente continuidade."

 

mestrado-arquitetura-urbanismo-site-20

Rui Justo behance.net/ruijusto
Mestre em Urbanismo pela FA, 2010; Investigador e Doutorando em Urbanismo, FA

"Decorria o ano de 2005 quando ingressei na Faculdade de Arquitectura no curso de Arquitetura do Planeamento Urbano e Territorial.Foi com base na vertente humana e humanística da vida académica, que consegui até ao momento alicerçar em conjunto com verdadeiros amigos um grupo de trabalho dedicado às causas sociais e como estas se repercutem na leitura e intervenção na cidade, u:iclc. O u:iclc composto por alunos desta grande instituição, tem se revelado como uma aposta ganha por todos nós e pela própria Faculdade em si, uma vez que temos conseguido gerar o nosso próprio emprego, demonstrando desta forma que a profissão de Urbanista é viável e é acima de tudo útil à sociedade.
Foi nesta Casa que recebi grande parte das ferramentas necessárias para ser não só um profissional criterioso, mas também um cidadão atento e preocupado. Este foi o meu berço e é com todo o orgulho que o assumo como parte estruturante daquilo que hoje sou. Por tudo, Obrigado Faculdade de Arquitectura."

mestrado-arquitetura-urbanismo-site-19

Gonçalo Folgado
Mestre em Urbanismo pela FA, 2010; Colaborador no u:iclc